• junho 1st, 2015
  • Publicado por Redação Concurseiro10

Agências federais aguardam aval para abrir 1.929 vagas

Ag reguladoras

Com os concursos federais aparentemente poupados dos cortes orçamentários, cresce a expectativa de mais celeridade na análise das solicitações de seleções feitas pelas agências reguladoras. Foram solicitadas ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) 1.929 vagas para a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Agência Nacional de Águas (ANA), Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

Além da estabilidade do emprego público federal (regime estatutário), as agências oferecem rendimentos bastante atraentes, de até mais de R$14 mil, dependendo do cargo. Somente na Anac o pleito foi de 534 vagas, sendo 31 de técnico administrativo, 138 de técnico em regulação, 83 de analista administrativo e 282 de especialista em regulação, sendo as duas primeiras para o nível médio e as demais para graduados. As remunerações são de R$5.791,25 e R$6.047,25, R$10.916,90 e R$11.776,90, respectivamente, já incluindo R$373 de auxíio-alimnetação. A maioria das vagas deverá contemplar os estados do Rio de Janeiro e São Paulo, onde a agência tem forte atuação.
Outra seleção que poderá ser priorizada é a da ANA, que pediu 32 vagas de analista, sendo 12 para Tecnologia da Informação (TI) e as demais podendo contemplar as áreas de Comunicação Social, Administração, Ciências Contábeis e Econômicas, Arquivologia, Biblioteconomia, Biologia e Engenharia.  Outra agência que também pleiteou vagas para o nível médio é a ANS. A solicitação foi para o ingresso de 66 novos técnicos administrativos e 36 técnicos em regulação. Já o objetivo da Anvisa é contratar mais 120 técnicos administrativos (com exigência do antigo 2º grau).
A ANTT fez um pedido para reoxigenar seu quadro de pessoal com mais 670 servidores nas funções de técnico administrativo (45), técnico em regulação (281), analista administrativo (41) e especialista (303), dos níveis médio e superior. As remunerações da ANA, ANS, Anvisa e ANTT são as mesmas da Anac.  Por fim, caso seja autorizado na íntegra, o concurso da Abin irá oferecer 470 vagas, sendo 50 para agente de inteligência, 70 de agente técnico, 150 de oficial técnico e 200 para oficial de inteligência. As duas primeiras carreiras exigem o nível médio e têm remuneração de R$5.791,31 e R$5.248,93, respectivamente. Já as duas últimas requerem formação superior, com ganhos de R$13.538,03 e R$14.662,34.

 

Fonte: Folha Dirigida

 

 

Posted in : Demais Concursos Públicos
Tags:

Deixe um Comentário