• junho 3rd, 2015
  • Publicado por Redação Concurseiro10

Banco do Brasil: concurso previsto para o segundo semestre

BancodoBrasil-Logo50,0

A notícia do atraso na publicação do edital do concurso para escriturário do Banco do Brasil (BB), que incluirá o Rio de Janeiro, foi bem recebida por vários  pré-candidatos que já estão estudando. Eles apontam que a divulgação do documento após setembro, quando expira o prazo de validade da seleção atual, significa mais tempo de preparação e, portanto, mais chances de alcançar uma boa aprovação. O gerente operacional José Roberto Marchon, 42 anos, é um dos que pensam assim. “Como estou parado e comecei a estudar há poucos dias, considero bom o atraso no edital, porque ganho mais tempo para estudar”, assinalou.
Quem também vai aproveitar a mudança na previsão do BB para aumentar suas chances de contratação é o estudante de Engenharia Pedro Maia, 27 anos. “Considero positivo, tanto para aqueles que estão estudando há muito tempo, quanto para quem começou a estudar há pouco, como eu, pois ganhamos mais meses para a preparação. É o meu primeiro concurso, estudo a qualquer hora vaga e em qualquer momento que der, vou dar meu máximo para gabaritar”, apostou.
A estudante de Administração Talita Ferreira de Jesus, de 28 anos, é mais uma que enxerga o atraso como boa chance de realizar um estudo completo. No entanto, ela espera que o concurso ocorra logo, pois precisa do emprego. “É bom, pois ganhamos mais tempo para aprender. No entanto, como faço faculdade e sou dona de casa, também preciso trabalhar, e espero muito esse concurso. Estou estudando há pouco tempo e, por esse aspecto, o atraso é positivo. Já criei uma rotina de estudos e, embora tenha outras atividades, tenho conciliado.”
Para o especialista em concursos Paulo Estrella, os candidatos devem, de fato, enxergar esse atraso como positivo  e tirar proveito dele ao máximo. “Na verdade, o atraso deve deixar o candidato feliz. Muitas vezes isso pode não acontecer, porque ele está ansioso e em um momento difícil da vida dele, podendo ficar chateado. No entanto, ele tem que juntar os cacos, jogá-los fora e estudar. Os concursos do BB estão cada vez mais concorridos e com provas difíceis. Portanto, é muito bom ter mais tempo de estudo. Além disso, o candidato deve ter em mente que o banco não disse que o edital não sairá, pelo contrário, deixou claro que será publicado após setembro. Eu sei que é difícil o atraso, o candidato pode sofrer mas, no fundo, ele está ganhando”, diz Paulo Estrella.
O atraso do concurso foi informado pela gerente executiva de Gestão de Pessoas do BB, Ana Cristina Rosa Garcia, alegando que o banco faz uma revisão de suas seleções. Ainda segundo ela, devido à necessidade da oferta de vagas imediatas, conforme acordo com o Ministério Público do Trabalho no Distrito Federal (MPT-DF), foi alterada a diretriz de publicar editais três ou quatro meses antes de o prazo de validade do concurso anterior expirar. Ana Cristina revelou ainda que o edital da seleção que incluirá o Rio será publicado após o fim da validade do atual concurso, o que ocorrerá em 26 de setembro.
O que fez o BB adiar a seleção também foi o fato de ter de contratar 500 aprovados do concurso vigente para o Rio e outros cinco estados, conforme o mesmo acordo com o MPT-DF. Antes, quando o concurso era somente para cadastro, a empresa sentia-se à vontade para publicar editais e ir chamando os aprovados de acordo com suas necessidades, que sempre foram altas. No entanto, agora o BB é obrigado a contratar aquele número fixado em edital (vagas imediatas), o que exige um estudo mais detalhado, que, segundo Ana Cristina, está sendo realizado. Além de não desejar ficar sem um cadastro de reserva ativo, o banco possui grande necessidade de pessoal, o que reforça a necessidade de se abrir novas seleções. Segundo o Sindicato dos Bancários, a necessidade é de mais de 8 mil funcionários em todo o país. Quem sonha com uma vaga de escriturário, portanto, deve manter a preparação em dia.
Só 2º grau, com inicial de R$3.280

Apesar de planejar publicar o edital somente depois de setembro, o Banco do Brasil (BB) tem se reunido com a Fundação Cesgranrio, organizadora, para fechar detalhes da seleção, tais como o cronograma. É preciso, porém, uma definição das vagas imediatas, o que está em estudo. O cargo de escriturário exige o nível médio e proporciona remuneração inicial de R$3.280. Esse rendimento inclui vencimento de R$2.227,26, ajuda-alimentação de R$572, vale-refeição de R$431,16 e vale-cultura de R$50.
ESTUDE PARA BANCO DO BRASIL: VIDEOAULAS
Os funcionários do BB recebem ainda participação nos lucros ou resultados, vale-transporte, auxílio-creche, auxílio a filho com deficiência, plano odontológico, assistência médica (planos de saúde), previdência privada e participação no Programa de Qualidade de Vida no Trabalho. O banco proporciona, também, grande possibilidade de crescimento profissional. Além do Rio, a seleção será destinada ao Amazonas (parte do estado), Espírito Santo, Minas Gerais (parte), Rio Grande do Sul e Santa Catarina (parte). A estrutura já foi definida: haverá prova objetiva, composta por 70 questões, e redação.
O programa deverá ser o mesmo do concurso anterior para 15 estados, e a objetiva terá 25 questões de Conhecimentos Básicos (cinco de Atualidades do Mercado Financeiro, dez de Língua Portuguesa e dez de Raciocínio Lógico) e 45 de Conhecimentos Específicos ( cinco de Cultura Organizacional, cinco de Domínio Produtivo da Informática, cinco de Inglês, dez de Atendimento, dez de Técnicas de Vendas e dez de Conhecimentos Bancários), com a redação sendo do tipo dissertativo-argumentativo. O BB contrata pelo regime celetista.
Fonte: Folha Dirigida
BB2

 

Posted in : Banco do Brasil
Tags:

Deixe um Comentário