• março 30th, 2015
  • Publicado por Redação Concurseiro10

Concurso Banco do Brasil: Ascensão profissional é diferencial

BancodoBrasil-Logo50,0

O sonho de grande parte dos brasileiros é atuar em uma empresa onde haja perspectivas profissionais e constantes valorizações. Se na iniciativa privada essa possibilidade é remota, no serviço público federal o Banco do Brasil (BB) aparece como grande oportunidade. É que o BB é reconhecido mundialmente pelo Índice Dow Jones por ser uma das melhores empresas para trabalhar. E um dos fatos que levou a instituição a merecer esse prêmio foi a ascensão profissional que propicia a seus funcionários, conforme destacou recentemente o diretor de Gestão de Pessoas, Carlos Netto. “O Banco do Brasil é uma das poucas empresas brasileiras listadas pelo Dow Jones, e o fator desenvolvimento do capital humano é a maior nota entre todas as empresas listadas. Isso mostra que nós estamos investindo no profissional”, assinalou.
Além do índice internacional, o que pode comprovar o crescimento profissional dentro do banco são os dirigentes executivos. No concurso de 1986, ingressaram no banco o atual presidente, Alexandre Abreu, e o diretor de Gestão de Pessoas, Carlos Netto. Ambos iniciaram a carreira na empresa como escriturários, e hoje são executivos que a comandam. A ascensão profissional, no entanto, proporciona outras possibilidades. Os escriturários que alcançam algum tipo de formação específica podem exercê-la no banco, futuramente. Um escriturário formado em Comunicação Social, por exemplo, pode vir a atuar no setor de Marketing da empresa.
 
Estudos em dia – Para ter acesso a essa boa política de pessoal, porém, é preciso intensificar os estudos, tendo em vista que os concursos do banco costumam ser bastante concorridos. O edital está previsto já para o próximo mês ou maio, e as provas deverão ocorrer em julho ou agosto, conforme a diretriz do BB, que publica as regras da seleção três ou quatro meses antes de o prazo de validade do concurso anterior expirar, o que nesse caso ocorre em 26 de setembro. Além do Rio de Janeiro, serão contemplados nesta seleção os estados do Amazonas, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.
A empresa prepara o concurso e, no momento, está em fase de definição do limite de cadastrados e do cronograma. A Fundação Cesgranrio já foi definida como organizadora, já que as partes têm um contrato de cinco anos. Os interessados têm à disposição a estrutura do concurso e o programa da prova, divulgados na seleção em andamento para 15 estados. Os candidatos serão avaliados por meio de 70 questões objetivas, sendo 25 de Conhecimentos Básicos e 45 de Conhecimentos Específicos, e redação.
A função de escriturário exige o nível médio e tem rendimento inicial de R$3.280, somando vencimento de R$2.227,26, ajuda-alimentação de R$572, vale-refeição de R$431,16 e vale-cultura de R$50. Quem for contratado terá direito a participação nos lucros ou resultados, vale-transporte, auxílio-creche, auxílio a filho com deficiência, plano odontológico, assistência médica (planos de saúde), previdência privada e participação no Programa de Qualidade de Vida no Trabalho.
Fonte: Folha Dirigida

Não perca tempo! Comece logo a sua preparação para o Concurso do Banco do Brasil. Estude com o Curso completo do Concurseiro10. Veja detalhes aqui

box-bb

Posted in : Banco do Brasil
Tags:, ,

Deixe um Comentário