• junho 15th, 2015
  • Publicado por Redação Concurseiro10

Confira 10 motivos que fazem do INSS um concurso imperdível!

Inss - Previdencia
O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, disse este mês que, feito o contingenciamento orçamentário, a pasta começaria a autorizar as nomeações e, posteriormente, os concursos. Uma das seleções que geram mais expectativa é a do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), pelo fato de a autarquia estar em situação delicada de pessoal, cenário atestado pelo Tribunal de Contas da União (TCU). E o que Nelson Barbosa anunciou começou a acontecer. As nomeações já estão sendo liberadas, a exemplo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que na última terça-feira, dia 9, teve o aval para nomear 130 excedentes do concurso de 2014.

Internamente, o Planejamento avalia a seleção do INSS como prioritária, conforme o próprio ministro Nelson Barbosa revelou. A pasta tem sido pressionada a dar o aval, mas é obrigada a colocar em uma balança a questão social e o ajuste fiscal. No entanto, o desejo do Planejamento, embora não divulgado oficialmente, é dar o aval para o INSS ainda este ano. Deputados federais pressionam para isso. Chico Alencar (Psol-RJ) e Simone Morgado (PMDB-PA) se sensibilizaram com a questão e enviaram ofícios ao Planejamento, solicitando prioridade e o aval imediato. Chico Alencar alega que disso depende o prosseguimento da redução da desigualdade social no país. O documento tem as assinaturas de outros 21 parlamentares. Simone Morgado preocupa-se com o seguro defeso dos pescadores no Pará, que começará em novembro, sem que haja servidores para os atendimentos. Ainda não houve resposta.

Além da Câmara dos Deputados, as entidades sindicais também pressionam o Ministério do Planejamento a dar o aval para o instituto. Movimentos ligados à Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps) aprovaram indicativo de greve para o dia 7 de julho, e a Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps) apoiou o movimento. A greve, segundo a Fenasps, é resultado da falta de negociação e da demora na autorização do concurso e de outras reivindicações.

Confira dez motivos que fazem do INSS um concurso imperdível!

1) EXPRESSIVO NÚMERO DE VAGAS
Das 4.730 vagas solicitadas oficialmente, no pedido que segue em análise no Ministério do Planejamento, 2 mil são para técnico do seguro social, de nível médio, 1.580 de analista do seguro social, de nível superior, e 1.150 de perito médico, para graduados em Medicina.

2) BOA REMUNERAÇÃO INICIAL
Os rendimentos iniciais são de R$4.620 para técnico, R$7.504 para analista e R$10.559 para perito.

3) DÉFICIT GARANTE CONCURSO
Auditoria do Tribunal de Contas da União alertou para o risco de colapso nas atividades desempenhadas pela autarquia, devido à carência de pessoal. Nota técnica enviada ao Ministério do Planejamento para justificar o pedido de concurso, informou que entre 2010 e abril de 2013 havia uma vacância de 5.054 servidores, sendo 3.253 somente na carreira de técnico. Além disso, a nota informou que há mais de 10 mil servidores (incluindo analistas e peritos médicos) em abono de permanência, isto é, que já possuem condições para requerer aposentadoria. Outro dado que deixou clara a carência foi a publicação no Diário Oficial da União do último dia 25, informando o número de vagas ociosas no Ministério da Previdência: 17.660, sendo, certamente, a maior parte concentrada no INSS. Todos esses dados tornam um novo concurso para o INSS inevitável.

4) GRANDE NÚMERO DE CONVOCAÇÕES
Por conta do grande déficit de pessoal e das aposentadorias previstas (10 mil, nos próximos anos), o novo concurso para técnico do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), deverá continuar mantendo a tradição de convocar mais aprovados do que o número inicial de vagas especificado em edital. No último concurso, realizado em 2012, para 1.500 vagas de técnico e 375 de perito médico, cujo prazo de validade terminou agora em abril, foram feitas 5.020 convocações (a seleção contou com 6.881 aprovados), ou seja, 133% além da oferta prevista em edital. Deste total, cerca de 90% das contratações ocorreram para o cargo de técnico.

5) AUTORIZAÇÃO NÃO DEMORA
Após a definição dos cortes no Orçamento, ocorrida no mês passado o ministro do Planejamento chegou mesmo a anunciar que a retomada da política de concursos federais não demoraria. Por isso, é aguardada para breve a primeira leva de autorizações de concursos federais, dentre os quais, o INSS figura como uma das prioridades.

6) PROGRAMA BÁSICO É CONHECIDO
Independentemente da oferta de vagas que será autorizada pelo Planejamento, os futuros candidatos devem manter a preparação em dia para obterem a melhor classificação possível. No último concurso para a carreira, os concorrentes foram avaliados por meio de prova objetiva com 60 questões, sendo 20 de Conhecimentos Gerais (Português, Regime Jurídico Único, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Raciocínio Lógico e Informática) e 40 de Conhecimentos Específicos.

7) ESTABILIDADE GARANTIDA
Os interessados em ingressar nos quadros do INSS buscam, além de boa remuneração, a garantia da estabilidade, uma vez que o Instituto contrata pelo regime estatutário.

8) ESTUDO ANTECIPADO LEVA AO SUCESSO
Para os candidatos que, pacientemente, aguardam a convocação do concurso para Técnico do INSS, a pedagoga Adelaide Matos (especialista na preparação para a carreira pública) enfatiza que “é fundamental disciplina nos estudos e, sobretudo, persistência enquanto o edital não é divulgado”. Ela explica que, muitas vezes, o candidato se entusiasma com as notícias divulgadas e iniciam uma maratona de estudos e, depois, diante da demora na convocação do concurso, acabam desistindo. “Numa comparação simples, era como se um avião iniciasse a decolagem e o piloto desistisse por que o destino é muito distante”, enfatizou.

9) VASTO MATERIAL À DISPOSIÇÃO
Sendo um dos concursos mais aguardados do país, o INSS conta com vasto material de preparação, disponível no mercado. Somente aqui, no Concurseiro10 , os alunos podem ter acesso a videoaulas direcionadas ao concurso de técnico de seguro social.

10) UMA VAGA É SUA! ESTÁ ESPERANDO O QUE?
Pode perguntar a qualquer um que já tenha realizado o sonho da carreira pública. O caminho para chegar lá é feito de muito esforço e dedicação aos estudos. Determinação e persistência. Além de uma boa dose de fé que, neste caso, nada mais é do que acreditar em si mesmo. Então, se você ainda não está na corrida em busca das vagas do INSS, chegou a hora. Arregace as mangas e saiba como ter acesso ao maior conteúdo preparatório clicando AQUI.

Fonte: Folha Dirigida

INSS

Posted in : INSS
Tags:

Deixe um Comentário