• maio 4th, 2015
  • Publicado por Redação Concurseiro10

Polícia Civil de São Paulo tem mais de 7 mil vagas em aberto

Polícia Civil -Sede

A Polícia Civil de São Paulo conta com um total de 7.305 vagas em aberto em seu quadro de servidores, todas correspondentes a 3ª classe, categoria na qual os servidores ingressam na instituição. Os dados são do levantamento publicado no Diário Oficial do estado do último dia 30, que tem como base 31 de dezembro de 2014. A maior carência está nos cargos de investigador e escrivão, como 2.437 e 1.930 cargos vagos, respectivamente. Na sequencia vêm perito criminal, com 620, agente policial, com 480, delegado, com 395, e agente de telecomunicações, com 262 funções em aberto. Destes, apenas perito não faz parte da área conhecida como Polícia Judiciária, responsável pelas investigações.

Para suprir parte deste déficit a Polícia Civil aguarda a conclusão da série de concursos, iniciada em 2013. Porém, nos casos de agente de telecomunicações e agente policial a carência só poderá ser preenchida por meio da realização de novos concursos, tendo em vista que para telecomunicações não existe mais cadastro de reserva e para agente policial os remanescentes não devem ser aproveitados, devido a mudança de escolaridade do cargo, que passou de nível fundamental para médio no ano passado.

VAI FAZER O CONCURSO DA POLÍCIA CIVIL DE SÃO PAULO!? VEJA COMO SE PREPARAR

Levando em consideração os cargos sem cadastro disponível e as aposentadorias previstas a Polícia Civil já encaminhou a Secretaria de Planejamento e Gestão um pedido de preenchimento de 3.176 vagas, destinadas a novos concursos e ao aproveitamento de remanescentes. A expectativa é de que as novas contratações sejam autorizadas nos próximos meses pelo governador Geraldo Alckmin. Entre as vagas solicitadas, 851 para cargos de nível médio e 2.325 de nível superior, distribuídas por 13 carreiras.

Do total 249 são para agente policial e 252 para agente de telecomunicações. A exigência para os dois cargos é de nível médio completo e as remunerações são de R$3.365,11 e R$4.023,29, respectivamente, já incluso o adicional de insalubridade, no valor de R$571,51. Para nível médio o pedido ainda conta com vagas para auxiliar de papiloscopista, atendente de necrotério, auxiliar de necropsia, papiloscopista, desenhista, fotógrafo técnico pericial. Para nível superior as oportunidades são para perito, médico legista, investigador, escrivão e delegado. As remunerações variam de R$3.365,11 a R$ 10.079, já incluso o adicional de insalubridade, no valor de R$571,51, reajustado no mês de março.

Entre as carreiras de nível médio, a de agente de telecomunicações já tem como certa a realização de um novo concurso ainda este ano. “Em nossa última reunião com o delegado geral ele afirmou que não seria possível conceder aumento salarial, mas nos deu certeza de que o novo concurso será realizado este ano”, afirmou Gildete Amaral dos Santos, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Telemática Policial do estado de São Paulo (Sintelpol). Em entrevista realizada no início do mês Youssef reforçou a intenção de realizar a nova seleção. “O agente de telecomunicações é um que nós não temos de onde tirar aprovados. A última leva foi em janeiro do ano passado. Já existe a proposta de concurso que foi encaminhada a Secretaria de Segurança”, completou.

Para os novos concursos de nível médio a Polícia Civil não pretende realizar alterações no formato da seleção. Tanto as etapas quanto no conteúdo programático devem seguir o padrão dos últimos concursos do órgão. As únicas alterações serão para os cargos de nível superior que voltarão a incluir a prova oral em seus concursos, com exceção de delegado, que já conta com a etapa.
Fonte: Folha Dirigida

Posted in : Polícia Civil
Tags:, , ,

Deixe um Comentário